Eventos

Evento Neutro

Nós, da GS&MD – Gouvêa de Souza, apoiamos o desenvolvimento de uma economia de baixo carbono e, principalmente, de uma conscientização ambiental coletiva. Em harmonia com esse princípio norteador, todos os nossos eventos possuem compensação de emissão dos gases de efeito estufa e, por isso, recebem o selo “Evento Neutro”.

 

 

Este selo é uma certificação do Programa Evento Neutro, promovido pela Eccaplan Consultoria em Sustentabilidade (www.eccaplan.com.br), nossa parceria para compensação dos impactos ambientais. Desse modo, todas as emissões de gases de efeito estufa provenientes da montagem, realização e desmontagem dos eventos GS&MD são quantificados e compensados com o apoio a projetos brasileiros certificados pelo programa.

 

O Programa Evento Neutro seleciona e apoia apenas projetos brasileiros que promovam o desenvolvimento local e de tecnologias limpas ou preservação florestal.

 

Veja um breve vídeo sobre “O que é neutralização de carbono”.

 

 

 

 

O Que é Neutralização de Carbono?

 

De alguma forma, um evento impacta o meio ambiente, seja pela queima de combustível relacionado ao transporte, ou pelo consumo de energia, ar-condicionado, água e geração de lixo. Um evento é neutro em carbono quando todas as emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) provenientes de sua atividade são devidamente quantificadas e uma ação de compensação ambiental (neutralização) é realizada na mesma proporção.

 

A neutralização de carbono é uma ação voluntária de responsabilidade socioambiental realizada por organizações e pessoas sobre o problema das mudanças climáticas, cujos objetivos principais são:

 

  1. viabilizar economicamente projetos de desenvolvimento sustentável que não existiriam sem os incentivos do mercado de carbono;
  2. educar, conscientizar e sensibilizar o público envolvido sobre causas e consequências das mudanças climáticas melhorar a imagem da empresa com seus stakeholders

 

A neutralização de carbono é realizada em 2 etapas:

 

1. Redução e cálculo das emissões

2. A compensação ou neutralização de carbono

 

A compensação das emissões de GEE é feita por atividades que geram benefícios ambientais de mesma proporção do impacto ambiental causado.

Por exemplo, se uma pessoa ou empresa emitir o equivalente a 10 toneladas de CO2, esta iniciativa é compensada apoiando-se, nesta mesma proporção, um projeto ambiental ou de tecnologia limpa.

Alguns exemplos de projetos de tecnologia limpa: parques eólicos, uso de casca de arroz em substituição a lenha (mata nativa) em cerâmicas, queima de metano para gerar energia em aterros sanitários, pequenas centrais hidrelétricas etc.

 

Baseado no Protocolo de Kyoto, a neutralização de carbono é uma ação prática e legítima de responsabilidade socioambiental.

 

Exemplo de Projeto de serviço ambiental

 

 

 Florestal Santa Maria (FSM REED), Colniza, Mato Grosso/Brasil

 

Este tipo de projeto de serviço ambiental preserve uma área florestal contra desmatamento, que significa uma redução de 30 milhões de toneladas de CO2 na atmosfera, a preservar a totalidade de sua área de mata natural, o projeto faz a sua parte no sentido de diminuir o desmatamento da Amazônia que representa 5% das emissões globais de GEE.

 

A área privada de 71.714 hectares de floresta nativa compreendida como Amazônia Legal, à margem direita do rio Aripuanã fica em Colniza, Mato Grosso/Brasil.

 

 

Para mais informações sobre programas de neutralização de carbono, acessem Programa Evento Neutro e Programa CO2 Neutro.



Carrinho de ComprasCarrinho de Compras: 0 item(s)